• SALA DE AULA

    EDUCAÇÃO INFANTIL

  • Caro professor, cara professora,

     

    Todo mundo já sabe que o tema da convivência é um conteúdo da escola de crianças pequenininhas até a universidade, não é?

    No Brasil, já temos uma lei que determina que crianças, adolescentes e adultos tenham nas escolas o DIREITO de aprender a conviver e, assim, resolver seus conflitos sem agressão, sem submissão à vontade do outro, sem humilhar, sem ser humilhado. Temos também uma Base Nacional Comum Curricular que mostra bem que as questões de convivência são imprescindíveis.

    Diante disso, dois grupos de pesquisa – o GEPEM (Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Moral – Unesp/Araraquara-Unicamp) e o GEPEDEME (Grupo de Estudos e Pesquisas em Desenvolvimento Moral e Educação – Unesp/Bauru) uniram forças para construir um projeto de ensino que buscasse fazer uma análise profunda dos documentos brasileiros e os conteúdos intencionais curriculares sobre o tema da convivência. Esse projeto ainda não está pronto.

    Contudo, considerando o momento em que estamos vivendo e o quanto nossos meninos e meninas estão precisando falar de si e das suas relações interpessoais, preparamos algumas atividades remotas assíncronas e síncronas para auxiliar docentes do Brasil todo nesta tarefa.

    As atividades foram pensadas para atender aos objetivos da BNCC e a conteúdos fundamentais da temática da convivência para esse momento.

    Esperamos contribuir com essa demanda tão urgente de formar pessoas e, hoje, mais do que nunca, pessoas que estejam bem consigo e com os outros...

    Sintam-se todos abraçados,

    Profa. Dra. Luciene Regina Paulino Tognetta

    Profa. Dra. Rita Melissa Lepre

    Profa. Dra. Telma Pileggi Vinha

    Coordenação do Projeto

    Mestrandas e mestrando:

    Mário Fioranelli Neto

    Fernanda Issa de Barros Farhat

    Talita Bueno Salati Lahr

    Natália Cristina Pupin Santos

    Lídia Morcelli Duarte

    Larissa Di Genova Boni

    Ana Luiza Aparecida de Matos

    Tatiane Cristine do Espírito Santo Nakahodo

     

    Doutorandas e doutorando:

    Raul Alves de Souza

    Sanderli Aparecida Bicudo Bomfim

    Darlene Ferraz Knoener

    Deise Maciel de Queiróz

    Elvira Maria Portugal Pimentel Ribeiro Parente

    Danila Di Pietro Zambianco

     

    Demais pesquisadores:

    Vitória Hellen Holanda Oliveira

    Gabriela Eduarda do Amaral

    Laura Nunes Viana

    Jamile Oliveira Santana Souza

    Érica Vanessa Rubens

  • Para crianças de 0 a 3 anos

  • Tema: Conhecimento de si e do outro a partir das interações com os pares e com os adultos

    Proposta 01

    As estrelas e suas emoções

    OBJETIVO: Reconhecer, nomear e expressar as suas próprias emoções, por meio da linguagem verbal e não-verbal.

    Proposta 02

    As estrelas da turma

    OBJETIVO: Reconhecer, nomear e expressar as suas próprias emoções, por meio da linguagem verbal e não-verbal.

    Proposta 03

    Jogo da Memória - para crianças de 03 anos

    OBJETIVO: Reconhecer, nomear e expressar as suas próprias emoções, por meio da linguagem verbal e não-verbal.

  • Tema: Reflexão sobre Valores Morais

    Proposta 01

    Teatro de Fantoches

    OBJETIVO:  Vivenciar situações em que os valores morais estejam presentes.

  • Para crianças de 4 e 5 anos

  • Tema: Conhecimento de si e do outro a partir das interações com os pares e com os adultos

    Proposta 01 - Assíncrona - para fazer com as famílias

    Jogo da memória do que sentimos

    OBJETIVO: Promover o autoconhecimento e o respeito às diferenças; Reconhecer as emoções e sentimentos do outro, sendo este seu par ou autoridade; Vivenciar experiências de ouvir como o outro se sente.

    Proposta 02

    Ai que saudade que eu tô!

    Reconhecer, nomear e expressar as suas próprias emoções: (tristeza, raiva, alegria...), por meio da linguagem verbal e não-verbal.

    Proposta 03

    Jogo da Memória do que sentimos

    OBJETIVOS:

    • Reconhecer as emoções e sentimentos do outro, sendo este seu par ou autoridade.
    • Vivenciar experiências de ouvir como o outro se sente.

    Proposta 04

    Roleta dos Sentimentos

    OBJETIVOS:

    Reconhecer, nomear e expressar as suas próprias emoções: (tristeza, raiva, alegria...), por meio da linguagem verbal e não-verbal.

  • Tema: Reflexão sobre Valores Morais

    Proposta 01

    Baú do Tesouro

    OBJETIVO: 

    • Vivenciar situações em que os valores morais estejam presentes.
    • Reconhecer e nomear os valores morais presentes nas situações cotidianas.

    Proposta 02

    Contação de história - A galinha ruiva

    OBJETIVO: 

    • Vivenciar situações em que os valores morais estejam presentes.
    • Reconhecer e nomear os valores morais presentes nas situações cotidianas.
  • Tema: Indícios de Sofrimento Emocional

    Proposta 01

    Monstro das Cores

    OBJETIVO:

    Transformar em palavras o que sentem (ansiedade, tristeza, medo, esperança etc.) ou por meio de outras formas de representação (desenhos etc.)

    Proposta 02

    Pata de Elefante

    • Reconhecer, nomear e expressar as suas próprias emoções: (tristeza, raiva, alegria...), por meio da linguagem verbal e não-verbal; 
    • Reconhecer as emoções e sentimentos do outro, sendo este seu par ou um adulto (familiar ou professor/a); 
    • Transformar em palavras o que sentem (ansiedade, tristeza, medo, esperança etc.) ou por meio de outras formas de representação (desenhos etc.)